29 de setembro de 2009

Doa-se um cachorro URGENTE


Abaixo segue a foto deste cachorrinho super obediente que tenho certeza que você gostaria de tê-lo contigo! Estou de mudança e não terá espaço na nova casa para ele, já que ele gosta muito de banheiros e lá terá apenas um!
Ele atende por Boby!


5 coisas que eu detesto... em mim - Novo desafio!

A Denize do blog http://seja.muito.feliz.zip.net/ me convidou a contiuar o 'jogo da sinceridade' e eu topei! É sempre difícil nós conseguirmos nos avaliar de verdade, porém não é impossivel!

Quando apontamos um dedo para criticar uma pessoa, sempre há mais três apontando para nós mesmos.
Para que nós nos demos bem em qualquer relação por exemplo, temos que aprender a avaliar os nossos próprios defeitos, assim buscando melhorá-lhos.

Quando parei pra pensar nas 5 coisas que eu detesto em mim, veio uma lista enorme na minha mente, que até fiquei confusa, mas vamos lá, aqui estão os 5 defeitos que eu acredito que são os meus piores:

1° NERVOSISMO - Vocês não fazem idéia de como eu fico nervosa com pequenas coisas, o engraçado é que quando eu passo por uma situação em que certamente todos ficariam nervosos eu sou calmíssima, por exemplo, um dia eu e meu noivo estavamos em uma cidade próxima e o carro quebrou, bem num dia de feriado e não havia nenhuma oficina aberta, tivemos que andar uns 40 minutos debaixo de um sol de rachar mamona para achar uma oficina, ele xingou e chutou tudo e eu, bem calma resolvendo tudo... Mas em pequenas coisas do dia-a-dia eu que xingo e chuto tudo, como exemplo se eu estiver fazendo um bolo e falta algum ingrediente... aiaiai... E eu também fico muito nervosa quando eu tenho que explicar as coisas mais de 1 vez e a pessoa não entende.

2° GULA - Sou muito gulosa, meu olho é maior do que a barriga. Sou do tipo que vai num rodízio e come até passar mal pra fazer valer o dinheiro! Tanto que luto contra o peso desde criança, já cheguei pesar 120 quilos e mesmo depois de perder 40 quilos ainda continuo gulosa, e isso sempre me faz mal...

3° PERFECSIONISTA - Gosto de tudo muito arrumado, muito organizado e limpo, tudo perfeito no seu lugar, odeio quando desarrumam minha cama, as vezes me canso fazendo tudo pois acho que sempre vou fazer melhor do que os outros. Sou muito perfecsionista no meu trabalho, mas aí eu já vejo como qualidade pois assim faço tudo sempre muito bem feito e as clientes agradecem!

4° MANHOSA - Sou daquela que não desiste até que a pessoa faça minha vontade, faço chantagem emocional, irrito, faço bico e cara de choro até conseguir da pessoa aquilo que quero, nesse quisito sou um 'pé no saco', pois nem sei como meu noivo me aguenta, eu sempre faço isso com ele, e ele sempre fala: "tá bom então sua manhosa..."

5° EXCESSIVAMENTE CONTROLADA - Sou daquela que tem controle pra tudo, gosto de estar no controlde da situação, controlo tudo e todos, controlo meu dinheiro ao máximo e fico quase louca quando falta, controlo tanto que penso 10 vezes antes de comprar uma latinha de refrigerante se estiver andando nas ruas debaixo do sol para matar a sede! Se vou em algum barzinho com amigos, contabilizo cada shop para não passar do que tenho em mente.

Bom, acho que é mais ou menos isso, se eu fosse falar todos teria que colocar 50 e não 5 na lista! Mas eu gostei do desafio e acho que de certa forma nos ajuda, pois nos faz lembrar de que somos tão imperfeitos e temos muito o que corrigir em nós mesmos.

Passo a bola da vez para meus amigos a seguir, e como disse a Denize, se eles irão topar ou não, só ao destino pertence!

Regina do blog http://rebonelli.blogspot.com/

Luísa do blog http://www.arte-e-manhas.com

Sissym do blog http://blogzoomideiasdafadasemfim.blogspot.com/

Ebrael do blog http://memoriasdeebrael.blogspot.com/

Fátima do blog http://belani-rcontosecomentarios.blogspot.com/

26 de setembro de 2009

Será que você realmente tem motivos para ficar triste?

OFERECER - Alanis Morissette

quem

quem sou eu para me sentir triste?

olhe para minha família e minha sorte

olhe para meus amigos e minha casa

quem

quem sou eu para me sentir enfraquecida?

quem sou eu para me sentir esgotada?

olhe para minha saúde e dinheiro

e aonde aonde eu vou para sentir-me bem?

por que ainda procuro fora de mim?

claramente já vi que não vai funcionar

é minha ambição continuar quando não sou capaz?

é meu trabalho ser uma exímia altruísta?

e minha generosidade foi interrompidapor isso, meu senso de dever de oferecere por que por que eu me sinto tão ingrata?

eu que estou muito além da sobrevivência

eu que vejo a vida como uma ostra

é minha ambição continuar quando não sou capaz?

é meu trabalho ser uma exímia altruísta?

minha generosidade me faz impotente

por isso, meu senso de dever de oferecer

e como

como eu ouso descansar sobre meus louros?

como eu ouso ignorar uma mão estendida?

como eu ouso ignorar um país de terceiro mundo?

é minha ambição continuar quando não sou capaz?

é meu trabalho ser uma exímia altruísta?

e minha generosidade foi interrompida

por isso, meu senso de dever de oferecer

quem

quem sou eu para me sentir triste?

video

Publicidade X Realidade

A foto do produto na propaganda e a foto do que vem pra você comer...rs
McDonalds - Big Tasty
Perdigão - Pizza de Chester Apreciatta

Sadia - Hot Pocket X-Burger

Sadia - Hot Pocket Frango com Requeijão

Carrefour - Panetonne Linha Viver Light

Habib's - Double Habib's

Hershey's - Cookies 'n' Creme MAX +Cookies
Giraffas - Petit Gâteau de Limão

Cacau Show - Cookies com Gotas de Chocolate
Bauducco - Chocottone Maxi
Perdigão - Lasanha à Bolonhesa Apreciatta

Ragazzo - Risoto Funghi

Pullman - Bolo Recheado Romeu e Julieta

Habib's - Esfiha de Carne

Bauducco - Goiabinha
Rocambole Pullman, mas pode chamar de Bimbo também...


Propaganda é a alma do negócio... não é mesmo??

23 de setembro de 2009

Os melhores nomes de duplas sertanejas

Imaginem as músicas...




































Você tem o cd de algum aí? Se tiver me empresta?? Rss...

Porque mulher demora no banheiro???

É tragicômico e patético, mas cada palavra traduz a mais pura verdade. Nenhuma mulher no mundo pode negá-lo.

Para que as mulheres riam e os homens entendam PORQUE DEMORAMOS TANTO NO BANHEIRO!!! kkkkk



O grande segredo de todas as mulheres com relação aos banheiros é que quando pequenas, quem as levava ao banheiro era sua mãe. Ela ensinava a limpar o assento com papel higiênico e cuidadosamente colocava tiras de papel no perímetro do vaso e instruía:
"Nunca, nunca sente em um banheiro público" E, em seguida, mostrava "a posição", que consiste em se equilibrar sobre o vaso numa posição de sentar sem que, no entanto, o corpo não entre em contato com o vaso.
"A Posição" é uma das primeiras lições de vida de uma menina, super importante e necessária, e irá nos acompanhar por toda a vida. No entanto, ainda hoje, em nossa vida adulta, "a posição" é dolorosamente difícil de manter quando a bexiga está estourando.
Quando você TEM que ir ao banheiro público, você encontra uma fila de mulheres, que faz você pensar que o Bradd Pitt deve estar lá dentro. Você se resigna e espera, sorrindo para as outras mulheres que também estão com braços e pernas cruzados na posição oficial de "estou me mijando".
Finalmente chega a sua vez, isso, se não entrar a típica mamãe com a menina que não pode mais se segurar.
Você, então verifica cada cubículo por baixo da porta para ver se há pernas.
Todos estão ocupados.
Finalmente, um se abre e você se lança em sua direção quase puxando a pessoa que está saindo.
Você entra e percebe que o trinco não funciona (nunca funciona); não importa... você pendura a bolsa no gancho que há na porta e se não há gancho (quase nunca há gancho), você inspeciona a área.. o chão está cheio de líquidos não identificados e você não se atreve a deixar a bolsa ali, então você a pendura no pescoço enquanto observa como ela balança sob o teu corpo, sem contar que você é quase decapitada pela alça porque a bolsa está cheia de bugigangas que você foi enfiando lá dentro, a maioria das quais você não usa, mas que você guarda porque nunca se sabe...
Mas, voltando à porta...
Como não tinha trinco, a única opção é segurá-la com uma mão, enquanto, com a outra, abaixa a calcinha com um puxão e se coloca "na posição".
Alívio....... AAhhhhhh.....finalmente...
Aí é quando os teus músculos começam a tremer ...
Porque você está suspensa no ar, com as pernas flexionadas e a calcinha cortando a circulação das pernas, o braço fazendo força contra a porta e uma bolsa de 5 kg pendurada no pescoço.
Você adoraria sentar, mas não teve tempo de limpar o assento nem de cobrir o vaso com papel higiênico. No fundo, você acredita que nada vai acontecer, mas a voz de tua mãe ecoa na tua cabeça "jamais sente em um banheiro público!!!" e, assim, você mantém "a posição" com o tremor nas pernas....
E, por um erro de cálculo na distância, um jato finíssimo salpica na tua própria bunda e molha até tuas meias!! Por sorte, não molha os sapatos. Adotar "a posição" requer grande concentração. Para tirar essa desgraça da cabeça, você procura o rolo de papel higiênico, maaassss, puuuuta que o pariuuuu...! O rolo está vazio...! (sempre)
Então você pede aos céus para que, nos 5kg de bugigangas que você carrega na bolsa, haja pelo menos um miserável lenço de papel. Mas, para procurar na bolsa, você tem que soltar a porta. Você pensa por um momento, mas não há opção...
E, assim que você solta a porta, alguém a empurra e você tem que freiá-la com um movimento rápido e brusco enquanto grita OCUPAAADOOOO!!!
Aí, você considera que todas as mulheres esperando lá fora ouviram o recado e você pode soltar a porta sem medo, pois ninguém tentará abrí-la novamente (nisso, as mulheres nos respeitamos muito) e você pode procurar teu lenço sem angústia. Você gostaria de usar todos, mas quão valiosos são em casos similares e você guarda um, por via das dúvidas.. Você então começa a contar os segundos que faltam para você sair dali, suando porque você está vestindo o casaco já que não há gancho na porta ou cabide para pendurá-lo. É incrível o calor que faz nestes lugares tão pequenos e nessa posição de força que parece que as coxas e panturrilhas vão explodir. Sem falar da porrada que você levou da porta, a dor na nuca pela alça da bolsa, o suor que corre da testa, as pernas salpicadas...
A lembrança de tua mãe, que estaria morrendo de vergonha se te visse assim, porque sua bunda nunca tocou o vaso de um banheiro público, porque, francamente, "você não sabe que doenças você pode pegar ali"
... você está exausta. Ao ficar de pé você não sente mais as pernas. Você acomoda a roupa rapidíssimo e tira a alça da bolsa por cima da cabeça!...
Você, então, vai à pia lavar as mãos. Está tudo cheio de água, então você não pode soltar a bolsa nem por um segundo. Você a pendura em um ombro, e não sabendo como funciona a torneira automática, você a toca até que consegue fazer sair um filete de água fresca e estende a mão em busca de sabão. Você se lava na posição de corcunda de notre dame para não deixar a bolsa escorregar para baixo do filete de água... O secador, você nem usa. É um traste inútil, então você seca as mãos na roupa porque nem pensar usar o último lenço de papel que sobrou na bolsa para isso.
Você então sai. Sorte se um pedaço de papel higiênico não tiver grudado no sapato e você sair arrastando-o, ou pior, a saia levantada, presa na meia-calça, que você teve que levantar à velocidade da luz, e te deixou com a bunda à mostra!
Nesse momento, você vê o teu carinha que entrou e saiu do banheiro masculino e ainda teve tempo de sobra para ler um livro enquanto esperava por você.
"Por que você demorou tanto?"
pergunta o idiota.
Você se limita a responder
"A fila estava enorme"

E esta é a razão porque nós mulheres vamos ao banheiro em grupo. Por solidariedade, já que uma segura a tua bolsa e o casaco, a outra segura a porta e assim fica muito mais simples e rápido já que você só tem que se concentrar em manter "a posição" e a dignidade.

Obrigada a todas as amigas que já me acompanharam ao banheiro e vocês homens entendam nossa demora!

19 de setembro de 2009

Enquanto o marido trabalha...

O marido chegou em casa, após o trabalho, e encontrou seus filhos brincando do lado de fora, ainda vestindo pijamas.
Estavam sujos de terra, cercados por embalagens vazias de comida entregue em casa.
A porta do carro da sua esposa estava aberta. A porta da frente da casa também.

O cachorro estava sumido, não veio recebê-lo.
Enquanto ele entrava em casa, achava mais e mais bagunça.
A lâmpada da sala estava queimada, o tapete estava enrolado e encostado na parede.
Na sala de estar, a televisão ligada aos berros num desenho animadoqualquer, e o chão estava atulhado de brinquedos e roupas espalhadas.

Na cozinha, a pia estava transbordando de pratos; ainda havia café da manhã na mesa, a geladeira estava aberta, tinha comida de cachorro no chão e atéum copo quebrado em cima do balcão.
Ainda que tivesse um montinho de areia perto da porta.

Assustado, ele subiu correndo as escadas, desviando dos brinquedos espalhados e de peças de roupa suja.
Será que a minha mulher passou mal? ' ele pensou. 'será que alguma coisagrave aconteceu? 'Daí ele viu um fio de água correndo pelo chão, vindo do banheiro.
Lá havia mais brinquedos espalhados, toalhas molhadas, papel higiênico napia.
A pasta de dente sem tampa e a banheira havia transbordado.

Finalmente, ele encontrou sua mulher ainda de pijama, na cama,deitada elendo uma revista.

Ela olhou para ele, sorriu, e perguntou:- Como foi seu dia?

Ele olhou para ela completamente confuso, e perguntou: que diabos aconteceu aqui em casa?
por que toda essa bagunça?

Ela sorriu e disse:
- TODO DIA, QUANDO VOCÊ CHEGA DO TRABALHO, ME PERGUNTA: 'AFINAL DE CONTAS, O QUE VOCÊ FEZ O DIA INTEIRO DENTRO DE CASA?'BEM, HOJE EU NÃO FIZ NADA, FOFO . . .

O tempo passa para todos

PIUPIU completou 60 anos esta semana
BARBIE COMPLETOU 50 ANOS..


Superman

SPIDERMAN

Batman e Robin

Mulher maravilha


Hulk




Thor